Transformação digital a partir do DevOps

Transformação digital não é apenas adotar uma nova tecnologia, da mesma forma que DevOps não é apenas sair utilizando ferramentas de automação. Entenda como essas duas culturas empresariais podem revolucionar seu negócio e te ajudar a construir produtos com ainda mais qualidade, estabilidade, segurança e confiança.

Felipe Kosouski

Felipe Kosouski

February 11, 2021 | leitura de 8 minutos

dev

Transformação digital e DevOps não é sobre criar algo com velocidade, e sim com confiança. No meio tecnológico, ouvimos muito falar sobre agilidade. Temos metodologias ágeis, gestão ágil e até mesmo design ágil. Porém, o gingado que nós precisamos pouco tem a ver com mover-se depressa.

Se pesquisarmos o significado da palavra "agilidade", veremos que ela se refere à mudança de posição de maneira eficaz. Alguns movimentos até podem ser feitos com rapidez, mas todos exigem coordenação, equilíbrio e outras habilidades que são adquiridas conforme dominamos a técnica e, principalmente, captamos sua essência.

Por isso é importante compreendermos como cada ferramenta funciona. Esta é a única forma de propormos mudanças que façam sentido para o negócio e para o produto em desenvolvimento. Mudanças que, de fato, contribuirão para o crescimento da empresa.

Embora populares, infelizmente, os termos "transformação digital" e "DevOps" muitas vezes são distorcidos. Transformação digital não é apenas adotar uma nova tecnologia, da mesma forma que DevOps não é apenas sair utilizando ferramentas de automação.

Além do mais, estas duas frentes não atuam isoladamente. Como veremos adiante, uma transformação digital bem sucedida modifica todas as operações de uma organização - e adivinha o que facilita tudo isso? Sim, o DevOps.

Transformação digital é mudança de mentalidade

Organizações tradicionais encaram o digital como algo à parte, algo que está ali para, de vez em quando, auxiliar tarefas. Elas não percebem que, mesmo não oferecendo produtos tecnológicos, boa parte de suas operações dependem da tecnologia. Além disso, são (re)conhecidas, comunicadas e até mesmo julgadas no meio digital.

Esta é a razão para dizermos que toda empresa é uma empresa digital e de tecnologia. Ou pelo menos deveria ser.

Em algum momento, você terá que incorporar novas tecnologias em seus processos para que atendam às demandas de mercado e de seus clientes o que, por sua vez, influenciará seu modelo de negócios.

Dessa forma, o digital deixa de ser um setor ou "apenas mais um recurso" para se tornar o centro da operação.

Mas para chegarmos lá não devemos seguir modismos, definindo de um dia para o outro que Inteligência Artificial (ou qualquer outra tecnologia emergente) é o caminho.

Nós temos que focar na solução, em como iremos abordar o problema. Transformação digital é sobre como pensamos novos produtos, como buscamos oportunidades e como gerimos tudo isso. Transformação digital é sobre como escolhemos as tecnologias - e não as tecnologias em si.

Para isso, precisamos romper com o que não faz mais sentido para a estratégia e para as operações, do contrário, provavelmente vamos reproduzir apenas o que já existe e a tão almejada inovação deixará de acontecer.

Aliás, você sabe qual é a relação da transformação com a inovação?

Cultura DevOps

Atingir a tão desejada transformação digital já é uma tarefa complicada, e pode ficar muito mais difícil quando não existe um ambiente que promova a colaboração entre equipes e o uso de ferramentas que facilitem a entrega do produto com excelência - e é aí que entra o DevOps.

Caso você não saiba muito bem o que é esse tal de DevOps, temos um post aqui no blog que explica de modo um pouco mais aprofundado sobre o termo, o que ele significa e como começar a adotar, mas resumindo (bem resumido mesmo), DevOps é basicamente uma cultura ultra colaborativa entre equipes de desenvolvimento e operações com o objetivo de entregar software funcional, de qualidade, seguro, estável e confiável. Para atingir esta meta, o DevOps utiliza ferramentas de automação e facilita a aproximação de equipes dando voz a todos os envolvidos de maneira respeitosa.

Pensando agora na interação entre transformação digital e DevOps, podemos apontar alguns tópicos que merecem atenção:

1. Cultura

O DevOps é um poderoso facilitador da mudança cultural, e deve ser aplicado a qualquer empresa ou produto digital moderno que queira alcançar uma transformação digital. É sobre ajudar o negócio a pegar uma ideia e colocá-la à prova o quanto antes.

A cultura corporativa é um dos maiores limitantes quando uma grande empresa tenta mudar e se transformar. Os envolvidos estão tão acostumados com a maneira como desenvolviam e entregavam sistemas desde o começo, que simplesmente não conseguem se desvencilhar desses processos (na grande maioria das vezes extremamente burocráticos).

2. Senso de dono e responsabilidade

A ideia de dar voz a todos os envolvidos mostra sua força nesse ponto. Cada pessoa que faz parte do produto/projeto/empresa deve ser livre para contribuir com ideias, críticas construtivas e sugestões. Isso faz com que seja criado um sentimento de dono (ownership) do produto como um todo, e consequentemente, eleva a responsabilidade de cada participante das equipes, gerando entregas com maior qualidade.

A transformação digital é um esforço colaborativo, e fazer com que as pessoas se sintam ouvidas e mais responsáveis, é definitivamente um passo correto.

3. Solução primeiro, ferramentas depois

Quando falamos em DevOps, é comum logo vir na cabeça uma enxurrada de palavras, termos e ferramentas, levando à falsa ideia de que apenas implantando todas essas coisas no meio dos processos irá fazer com que tudo se complete de maneira mágica. Mas, o que acontece nesses casos é uma grande confusão, e as ferramentas que eram para agilizar e melhorar as entregas acabam tendo o efeito contrário.

Primeiro de tudo devem ser analisados os processos, definir soluções e o que deve ser feito, a partir daí fica mais simples de entender onde e quais ferramentas devem ser utilizadas para que o objetivo seja alcançado de maneira mais ágil e com qualidade.

4.Automação

Já aproveitando o gancho das ferramentas do tópico anterior, é aqui onde elas se encaixam da melhor forma para que o produto seja entregue com agilidade, segurança e com o maior nível de qualidade possível. A ideia que o DevOps traz de melhorias no fluxo, diminuição no tempo de feedbacks, encorajamento de aprendizado contínuo e experimentação são a base para fazer com que a transformação digital aconteça.

O ponto de atenção aqui, é que a automação por si só, não é uma bala de prata nem para o DevOps e nem para a transformação digital. Porém, sem fluxos de automação para integração e entrega contínua, e engenharia de confiabilidade (SRE), o caminho para a transformação digital se torna muito mais difícil.

5. Segurança

Com todo o esforço voltado a entregas e feedbacks rápidos, a segurança acaba, na grande maioria das vezes, sendo lembrada apenas quando o produto já está "rodando"- isso se não for completamente deixada de lado.

Nas grandes corporações, a segurança é comumente conhecida como "barradores de projetos". Normalmente, existem equipes diferentes envolvidas com engenharia e segurança, sendo esta última muito relacionada a processos burocráticos de documentação, normas, regras e compliance. Acontece que, para alcançar a já mencionada transformação digital, novas tecnologias e ideias devem ser implantadas e isso gera desconforto na equipe de segurança, um desconforto que, se não for resolvido ou validado em tempo, pode suspender projetos de inovação por não estarem dentro das regras.

Ao trazer a segurança para dentro do desenvolvimento é possível identificar problemas antes mesmo que estes causem outras implicações. Além disso, podemos detectar irregularidades de código e evitar falhas nos servidores e rede.

A separação entre equipes é algo que não deve acontecer para que se tenha sucesso na transformação digital. E isso nos leva ao próximo ponto de atenção...

6. Quebrar barreiras entre equipes

Uma das principais contribuições do DevOps para a transformação digital é a quebra de barreiras entre equipes. Empresas tradicionais geralmente possuem times segmentados, divididos de acordo com suas especialidades. A setorização, combinada a processos engessados e lentos, atrapalham o desenrolar da TD.

Como a implementação de transformação digital vem com um ritmo acelerado de inovação, exigindo, em muitos casos, atualizações sob demanda e desenvolvimento de novas ferramentas, todas as áreas precisam estar na mesma página.

Quebrando esses silos, as equipes de desenvolvimento (que geralmente encabeçam os projetos de TD, criando e apoiando toda a arquitetura necessária para torná-la uma realidade) poderão compreender melhor o que está ou não funcionando, contribuindo com insights e criando uma cultura que abraça as mudanças. Sem esta mentalidade, não há transformação.

7. Pessoas, processos e tecnologia

O DevOps une 3 ingredientes essenciais para a transformação digital: pessoas, processos e tecnologia. Quanto estes 3 pontos estão alinhados, a inovação é introduzida com muito mais velocidade.

Além do mais, como o DevOps traz mais foco e clareza aos processos, as equipes podem trabalhar nos recursos mais importantes e críticos, do que dedicar tempo e esforços no que não faz sentido ou não é uma prioridade.

O DevOps também é peça chave na hora de responder rapidamente a eventos do mercado e acompanhar a concorrente, atendendo aos requisitos dos clientes a tempo.

A maioria das transformações digitais são impulsionadas pelo desejo de agilidade, flexibilidade e adaptação. Empresas que investem em transformação digital buscam por novas abordagens porque entendem que o que funcionava muito bem até ontem, pode não funcionar mais hoje e dificilmente funcionará amanhã.

Mas toda essa adaptabilidade só é possível quando existem processos bem estruturados, uma cultura sólida de tecnologia e disciplina. Essa é a única forma de promover mudanças contínuas e seguras - algo que o DevOps tem muito a contribuir.

ateliware_cba_banner-02_800x200.png

Referências:
- Digital Transformation for Modern Enterprises Through DevOps --- A Complete Guide
- 10 ways DevOps helps digital transformation
Felipe Kosouski
Felipe Kosouski

Aficcionado por tudo que envolve tecnologia. Amante de games, música, cafés, cervejas, RPG, artes marciais, suspenses e terror. Jogador de Airsoft aos domingos pela manhã.

LinkedInGithub